sábado, 29 de setembro de 2018

#elenão Ribeirão Preto se une ao Brasil e ao mundo!

Foto: Filipe Peres

Na manhã deste sábado, na Esplanada do Theatro Pedro II em Ribeirão Preto, cerca de 2000 pessoas se irmanaram com mais de 50 municípios de todo o Brasil e de capitais pelo mundo como Londres, Paris, Lisboa e outras no grito contra o discurso e as posturas do candidato da extrema-direita brasileira.


O ato foi organizado e convocado pelo conjunto de coletivos de mulheres que atuam em Ribeirão Preto.

Papo no Calçadão entrevista o Professor Sandrão

Candidato à Deputado Estadual, Professor Sandrão deu uma entrevista ao Blogue O Calçadão.

Músico, professor de história, ex-bancário, pedagogo, militante. São e foram várias as atividades de Sandro Cunha, o professor Sandrão, em 32 anos de luta. Hoje, candidato à deputado estadual, o psolista, e um dos maiores colaboradores do blogue "O Calçadão em relação à luta pela manutenção dos direitos dos servidores municipais, concedeu um entrevista em que expõe o seu plano de atuação, se eleito pela populaçao paulista.

quinta-feira, 27 de setembro de 2018

Manual de Sobrevivência Para o Século 21 é exibido no SESC e tem como estrela principal o Assentamento Mário Lago, do MST!

Após o filme, muitas foram as perguntas aos palestrantes.
Fotos: Filipe Peres

O SESC/Ribeirão Preto apresentou, ontem, quarta-feira, às 19h30, os episódios 4 e 7 do Manual de Sobrevivência Para o Século XXI, dirigido pelo cineasta João Gabriel Amorim e apresentado pelo ator Marcos Palmeira. Os episódios tiveram como temáticas "Economia Solidária e "Alimentos, a floresta comestível". Ambos girando em torno da produção agroflorestal do Assentamento Mário Lago, em Ribeirão Preto. 


sábado, 15 de setembro de 2018

A Constituição de 1988 é o instrumento de unidade democrática contra as bravatas autoritárias!

Constituição se faz com a soberania popular!
A Constituição de 1988 ainda é o nosso maior símbolo de democracia e o instrumento atual em torno do qual devem se unir todos os democratas desse país na luta contra o processo golpista que tenta rebaixar a política, a soberania do voto popular e flerta com a restituição de uma ditadura de cunho civil-militar no Brasil.

Nossa elite anti-nacional e anti-popular nunca engoliu a "Carta Cidadã", tanto pelo seu caráter democrático, ungida pela força da soberania popular, quanto pelo seu caráter de apontar para a  necessidade da construção de um Estado do Bem-Estar Social brasileiro.

A Constituição de 1988 garante todo um conjunto de direitos humanos: os de primeira geração, baseados no conceito liberdade, que garantem os direitos individuais integrantes do artigo 5o da Carta; os de segunda geração, baseados no conceito igualdade, como a existência dos direitos trabalhistas, do SUS, da Seguridade Social, da aposentadoria pública, da educação pública, do direito à moradia, do direito ao transporte entre outros; e os de terceira geração, baseados no conceito solidariedade, como a existência da política de proteção ambiental, o código de defesa do consumidor, os Estatutos do Idoso, da Igualdade Racial, da Criança e do Adolescente e os demais direitos ainda em luta para empoderar a mulher, os LGBT's e demais camadas sociais existentes.

Dessa forma, ao ser colocada em prática, nossa Carta Cidadã obriga a construção de um projeto nacional de desenvolvimento com inclusão social.

É por isso que todos os governos neoliberais ou comprometidos com os interesses do neoliberalismo, defendido pelos grandes grupos financeiros, de Collor, passando por FHC e agora com o governo de Temer, imposto por um golpe jurídico-parlamentar, sempre atentaram contra a Constituição de 1988, tentando remendá-la ao gosto dos interesses neoliberais.

Apesar dos erros, das insuficiências e das dificuldades, foram nos 12 anos dos governos do PT, de Lula e Dilma, que a Carta Cidadã e seus preceitos foram mais valorizados, regulamentados e colocados em prática. O desenvolvimento com inclusão social realizado entre 2003 e 2016 casou perfeitamente com os objetivos do poder constituinte de 1988.

Por isso o golpe de 2016. Por isso o avanço avassalador do governo golpista e de seus apoiadores, como a grande mídia, sobre os direitos contidos na Constituição após o golpe. Por isso que, agora, o  vice de Bolsonaro, defende uma constituição sem povo, feita por 'notáveis'.

Mourão apenas revela o desejo da elite brasileira, o de construir um país sem o povo, ou, no máximo, com o povo colocado de escanteio.

É preciso defender a Constituição de 1988 em todos os seus sentidos e é preciso forjar em torno dela a resistência democrática.


Blog O Calçadão

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

2014-2018: o golpe que matou o PSDB!

A trinca do golpe que destruiu o Brasil
Ilustração: Portal Vermelho
O PSDB pode sair das eleições de 2018 como o maior derrotado. Tudo culpa de seu apoio e patrocínio ao golpe de 2016.

Golpe que começou em 2014, como bem disse essa semana o Senador tucano Tasso Jereissati, quando liderado por Aécio Neves o PSDB não aceitou o resultado das urnas e iniciou um processo de sabotagem contra o segundo governo Dilma.

terça-feira, 11 de setembro de 2018

MST denuncia Prefeito de Valinhos por grave violação aos direitos humanos



Acampamento Mariele Vive, em Valinhos/SP
Foto: Filipe Peres


Desde 14 de abril deste ano, o município de Valinhos tem a oportunidade de conviver com a comunidade do Acampamento Marielle Vive!, que luta por Reforma Agrária nas terras da Fazenda Eldorado Empreendimentos Imobiliários Ltda, por moradia, trabalho e direito à alimentação saudável. Desde o início do acampamento, temos recebido a solidariedade de inúmeras pessoas da cidade, que apoiam nossa luta e entendem a necessidade do cumprimento da função social da terra, previsto na Constituição Federal brasileira.
Mas ao que parece, Orestes Previtale (PSB), prefeito de Valinhos, não entende nada de legislação e muito menos de direitos sociais, tratando as famílias sem terra com intolerância, preconceito e discriminação.

Willian Miranda Cabeçoni é preso político




NOTA DO MST SOBRE PRISÃO POLÍTICA DE MILITANTE NA REGIÃO DE IARAS/SP

Hoje (11) o trabalhador rural assentado, militante do MST, Willian Miranda Cabeçoni, foi preso por volta das 6h na região de Iaras, estado de São Paulo.

Lula/Haddad vs Bolsonaro: uma ideia contra uma mentalidade!

Uma ideia vs uma mentalidade
Apesar de as mais recentes pesquisas mostrarem Ciro Gomes em um segundo lugar, fazendo muitos começarem a apostar em um voto útil no pedetista para derrotar Bolsonaro, começa hoje, terça (11/09/2018), a caminhada para o verdadeiro embate do segundo turno.

O embate será entre Fernando Haddad (representando a voz de Lula) contra Jair Bolsonaro.

Será um embate muito peculiar.

domingo, 9 de setembro de 2018

O neoliberalismo não é moderno e nem eficiente. O neoliberalismo é desemprego e pobreza!

Para Dória, Macri é "absolutamente inspirador"
A gestão de Maurício Macri na Argentina tem sido desastrosa e o país voltou a conviver com a crise, o desemprego, a recessão, o aumento da pobreza, a desindustrialização e o conflito social. Como solução "moderna e eficiente", nas palavras de João Dória, Maurício Macri fez o que todo governante neoliberal faz quando afunda o seu país (e eles sempre afundam): recorreu ao FMI.

O resultado disso todos nós brasileiros que vivemos os anos FHC sabemos: mais crise, mais desemprego e mais cortes sociais.

sexta-feira, 7 de setembro de 2018

Acampamento Izael Fagundes volta a ocupar a fazenda Lageado em Itaporanga, São Paulo


Foto: MST

Por MST

Os primeiros raios de sol desta sexta-feira de feriado (7) revelaram uma nova ocupação na lazenda Lageado, em Itaporanga (SP). Essa é a quinta vez que o MST entra na área de cerca de 400 hectares, localizada na região sudoeste paulista.

MST ocupa fazenda improdutiva no município de Gália - SP


Foto: MST

Por MST

Na manhã desta sexta-feira (07), cerca de 150 famílias sem terra ocuparam a Fazenda Rio Vermelho, no munícipio de Gália –SP. Possuindo aproximadamente 500 alqueires, a maior parte da Fazenda encontra-se em abandono há muito tempo, tendo suas estruturas já deterioradas pela falta de uso.

Acampamento Elizabeth Teixeira ocupa mais uma gleba do Horto Tatu*


Foto: MST

Por MST

Há 11 anos as 108 famílias do Acampamento Elizabeth Teixeira, do MST, lutam para a realização da reforma agrária no Horto Tatu, município de Limeira/SP.

2014 e 2018: o Brasil em parafuso e o oportunismo eleitoral nas comoções!

Ao invés do recolhimento e do cuidado com o pai,
a tentativa de faturar uns votos
Ilustração Brasil 247
A coincidência é assustadora!

Em 2014, a tragédia da morte do candidato Eduardo Campos, mais ou menos na mesma altura da atual campanha eleitoral, causou comoção e, ao mesmo tempo, espanto em relação ao comportamento de Marina Silva tanto diante do caixão do morto quanto pelo desprendimento e entusiasmo com que deixou a vice e assumiu a vaga de candidata.

domingo, 2 de setembro de 2018

O blog O Calçadão te mostra como e porque não votar em quem é da "Turma do Temer"!

Se está com Temer,
não vote!
A eleição de 2018 será diferente das outras e muito importante.

Para começar, o líder disparado nas pesquisas, Lula, sofre um violento processo de perseguição contra sua candidatura, valendo, para isso, uma condenação sem provas, uma prisão inconstitucional e uma brutal e desumana decisão de impedir que a sua voz e a sua imagem sejam mostradas ao povo.

Tudo isso para tentar facilitar a permanência no poder daqueles que chamaremos aqui de "campo golpista" ou de "Turma do Temer".

sábado, 1 de setembro de 2018

Eleição Sem Lula é Golpe!!


Marcha Lula Livre.
Foto: Filipe Peres 
Nota do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra - MST manifesta seu repúdio contra mais uma ação política do Poder Judiciário, que desrespeita e viola a Constituição Brasileira. 

Equipe técnica, ligada ao Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, está desenvolvendo estudo para a elaboração de políticas públicas que atendam as mulheres em Ribeirão Preto.

Equipe técnica está realizando estudo profundo e técnico para propor Políticas Públicas paras as Mulheres, em Ribeirão Preto. Fotos: Sil...