sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Ei, Moro: vamos criar um auxílio-moradia para cada servidor público sem reajuste desde 2015?


É fato que o triplex do Guarujá não é e nunca foi de Lula; 
mas o vergonhoso auxílio-moradia é do casal Moro!

Vivemos um período onde, mais uma vez, as máscaras dos moralistas sem moral caem ao chão.

O Brasil descobre que uma casta de servidores públicos, juízes, recebem benefícios imorais, como auxílio-moradia tendo casa própria.

E esta casta, nos últimos tempos, com apoio da grande mídia, outro exemplo de imoralidade, tem se colocado como a vestal brasileira, a imaculada vingadora contra a corrupção.

Conversa fiada!


Na verdade a campanha de combate à corrupção, necessária diga-se, não passa de uma farsa com objetivo político: perseguir o PT e Lula e favorecer os grupos políticos antenados com os interesses do grande capital.

O Brasil ainda vai ter que calcular os malefícios econômicos, políticos e sociais que essa farsa causou e ainda vem causando.

E o que dizer da alegação de Moro?

Quer dizer que o senhor aceita receber 4 mil reais de auxílio-moradia tendo casa própria porque "não recebemos reajuste desde 2015?".

Então vamos lançar a campanha: auxílio-moradia de 4 mil para todos os servidores que não recebem reajuste desde 2015!

Professores, policiais, enfermeiros e uma gama de profissionais lutadores, mal pagos e pouco reconhecidos por gente igual a quem gosta e defende Moro e sua cruzada midiática.

E, detalhe, Moro e a trupe de juízes recebem mais do que o teto constitucional, de 33 mil reais/mês, enquanto as  categorias acima muitas vezes recebem menos do que o auxílio-moradia do Moro.

Esse judiciário corporativista, seletivo, nababesco eimoral não pode mandar na nossa democracia!

O Calçadão

Um comentário:

  1. pois, é, com dizia o contemporâneo de meu avô. "toda unanimidade é burra". não consigo mais ver e ouvir essa unanimidade nas redes sociais. Vamos lá, entre essa e incoerencia outra do tipo que entrou com ação para a rede de internet retirar material de pesquisa de seu nome do ano anterior a 2000. Dai penso que ele tem apenas 18 anos ou não podemos saber que é e foi o cidadão Sergio Moro antes dos anos 2000.

    ResponderExcluir

Equipe técnica, ligada ao Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, está desenvolvendo estudo para a elaboração de políticas públicas que atendam as mulheres em Ribeirão Preto.

Equipe técnica está realizando estudo profundo e técnico para propor Políticas Públicas paras as Mulheres, em Ribeirão Preto. Fotos: Sil...