terça-feira, 27 de junho de 2017

Eunício, um dos chegados de Temer, quer aprovar a reforma trabalhista à força! Não!


Eunício declarou que, independente da crise, o Senado vai "tocar a pauta de votações" e que após a votação na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, o projeto da Reforma Trabalhista será encaminhado ao plenário em regime de urgência. A votação da Reforma Trabalhista na CCJ está prevista para a próxima quarta-feira (28).

É o conluio golpista tentando tocar a pauta do 'mercado' fazendo ouvidos de mercador para a vontade do povo!

Não! Não tem votação de reforma com governo ilegítimo e denunciado por corrupção!

A resposta virá das ruas. senhor Eunício!

Blog O Calçadão

Nenhum comentário:

Postar um comentário