quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Até quando o Brasil vai suportar o escárnio do desgoverno Temer?

A pergunta do título não é destinada aos batedores de panelas, pois sabemos bem que os batedores de panelas lutaram com todas as forças para que o desgoverno Temer existisse, em parceria com os tucanos e com a mídia, os líderes e formuladores das 'micaretas coxinhas'.

A pergunta é destinada ao Brasil que trabalha, que pensa, que produz, que luta, que vive o dia a dia de uma vida de dureza e honestidade.

O escárnio é muito grande para ser tolerado!


Uma montanha de corrupção jorra das delações da Lava Jato mas o desgoverno e seus tentáculos tramam à luz do dia barrar as investigações e blindar seus agentes das garras da lei.

O desastre econômico joga dezenas de milhões de brasileiros na pobreza e no desemprego mas o 'presidente' aparece nas capas dos jornais vendendo um 'otimismo' acintoso.

O 'presidente' do desgoverno abre as burras do orçamento público para dar aumentos estrondosos para as carreiras que podem mantê-lo no cargo mas destrói direitos históricos do povo brasileiro, como a aposentadoria e a saúde pública.

A situação da segurança pública, dentro e fora dos presídios, está em crise visível, com centenas de mortos, mas o desgoverno trama a nomeação do tal 'ministro da segurança pública', o tucano Alexandre de Moraes, para ser mais um escudeiro no já combalido STF e deixa policiais e populares sem apoio.

Estados e municípios estão em condições falimentares enquanto o desgoverno, aplicando uma irresponsável e desastrosa agenda neoliberal, busca dilapidar o que resta dos instrumentos públicos, forçando a privatização da Companhia de Água do RJ, por exemplo, e negociando empréstimos draconianos aos Estados.

Quem vai pagar a conta dessa política insana? O povo.

A Petrobrás e as jazidas do pré sal estão sendo entregues de graça para empresas estrangeiras por um tucano chamado Pedro Parente, destruindo uma oportunidade histórica de construção de uma completa cadeia produtiva nacional aliada a um embasamento técnico e científico.

O Brasil está sendo conduzido por uma turba de corruptos denunciados fartamente nas delações que, vergonhosamente, permanecem em sigilo.

Enquanto isso, a imprensa nacional e a tal operação de combate à corrupção continuam tendo Lula, melhor Presidente dos últimos 50 anos e líder das pesquisas, como alvo principal. Quanto mais Lula avança nas pesquisas, mais perseguição sofrerá.

Com as panelas de luxo em silêncio, até quando o Brasil verdadeiro vai aceitar o escárnio do desgoverno Temer?

O Calçadão

Nenhum comentário:

Postar um comentário