quarta-feira, 10 de abril de 2019

UBDS Vila Virgínia adere à greve

Celia Lima segura cartaz de greve em frente a UBDS Vila Virgínia.
Foto: Conlutas


Em visita a UBDS da Vila Virgínia, servidores ligados a Oposição Sindical Conlutas e Servidores Independentes informaram que parte dos trabalhadores públicos aderiram a greve nesta quarta-feira, 10.


De acordo com Celia Lima, há necessidade de neurologista, dentista, ginecologia, clinico geral, cardiologia, dermatologia, urologia e enfermeiros para o SAD/Serviço Domiciliar ao paciente acamado ou impossibilitado de ir à unidade de origem. Segundo a servidora, esses profissionais foram dar atendimento no NGA da rua Minas.

"A demanda é grande e a mudança destes especialistas para o NGA faz com que não consigam atender em tempo hábil. Os pacientes aguardam encaminhamento para consultar com especialistas por mais de 18 meses"

Outro problema da unidade é a segurança.  
Os guardas municipais fixos na unidade só fazem ronda. Além disso, eles são chamados para atenderem ocorrências, deixando os funcionários vulneráveis a todo tipo de violência.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Equipe técnica, ligada ao Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, está desenvolvendo estudo para a elaboração de políticas públicas que atendam as mulheres em Ribeirão Preto.

Equipe técnica está realizando estudo profundo e técnico para propor Políticas Públicas paras as Mulheres, em Ribeirão Preto. Fotos: Sil...